uniaodeleiria.blogspot.com: Agenda | Merchandise | Caderneta | Contacto

 



U.LEIRIA 0 F.C.PORTO 3


Não podendo olvidar o cansaço da gloriosa viagem a Israel, há que reconhecer que a União Desportiva de Leiria, foi inferior ao campeão nacional, em grande parte do encontro, pelo que o resultado, pese embora o exagero dos numeros, e as condicionantes do jogo, acaba por se aceitar.
Perante o previsivel deficit fisico do Leiria, a nossa equipa foi montada, por forma a privilegiar o reforço do meio campo, apostando Paulo Duarte no possante Lukasiewitz, para a tripla com os dois usuais trincos da equipa.
Contrapondo a este meio campo ultra defensivo, o nosso mister pedia a N'Gal e Sougou que se soltassem nas extremas, procurando assim eventuais desequilibrios na defensiva azul e branca.
Certo é, que enquanto durou o pulmão, ao longo deste primeiro tempo, acabou por se assistir a uma partida + ou - equilibrada, não conseguindo o Porto criar grandes oportunidades de golo, ao passo que do nosso lado, apenas N'Gal lograva atingir a velocidade de cruzeiro, fazendo a vida negra a Fucile.
Nesta toada pachorrenta, seria o Porto, num lance infeliz de ambos os laterais unionistas, a fazer o primeiro tento da partida por intermédio do outrora dispensavel Tarik, resultado com que se atingiu o intervalo.
O segundo tempo, iniciou-se com a lesão de N'Gal, que faz recordar o sucedido com Sougou na partida da passada temporada, desejando todos nós, que a lesão tenha consequências menos gravosas para o nosso atleta presentemente em melhor forma.
Poucos minutos volvidos, e o jogo ficava resolvido com o segundo golo do Porto (irregular diga-se, a bola foi cruzada já fora das quatro linhas), a União quebrava fisica e animicamente, aproveitando o FCP para passar a dominar o jogo a seu bel-prazer, não espantando por isso o terceiro golo de João Paulo, moderadamente festejado pelo nosso antigo capitão.
Destaques:
N'Gal é o homem do momento, colocou com a sua velocidade grandes problemas a Fucile, pena que a lesão o tenha retirado prematuramente da partida, notóriamente enfraquecendo o nosso jogo.
Tiago continua a ser o elemento do meio campo mais esclarecido, voz de comando, que quebrou naturalmente como a restante equipa.
Eder Bonfim - continua a perder bolas incriveis em zonas proibitivas, Quaresma só por si, não pode ser desculpa para mais uma pobre exibição.
Bruno Miguel - o central acabou por acusar a estreia em casa frente ao campeão nacional, começando bem a partida, mas acumulando erros juntamente com os seus colegas de sector no segundo tempo.
Não deixa de ser preocupante a falta de capacidade de recuperação da equipa, para mais com o ciclo tremendo de 7 jogos em 3 semanas (Liga,Taças Uefa e da Liga)que se avizinha.
Há pois que aproveitar a paragem no campeonato para recuperar, estudar e preparar convenientemente a próxima viagem, por sinal complicada ao estádio do Restelo.
Força Leiria!!!!

Etiquetas:

posted by mozdn @ 12:48 da manhã,

10 Comments:

At 11:23 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Neste jogo há algumas situações que não se podem deixar de analisar.
1º o Porto conseguiu o que queria, aproveitar o cansaço da equipa do UDL, e aí foi a principal diferença
2º o golo anulado ao Porto consegue-se ver após várias análises que o jogador não estava em fora de jogo, no estádio ninguém questionou, nem mesmo os jogadores do Porto é que todos ficaram com a sensação de um fora de jogo clarissimo
3º Também no estádio ninguém teve duvidas sobre o 2º golo do Porto, dupla irregularidade, fora de jogo no inicio da jogada de Lisandro, que depois acaba por fazer o golo e cruzamento 1m depois da linha, só o árbitro mal colocado não quiz assinalar.
4º a não expulsão de Quaresma, não se percebe o critério, não jogou a bola e foi deliberadamente agredir o adversário, cartão amarelo. Tão ridiculo como a amostragem do cartão amarelo, é o branqueamento que querem fazer desta jogada, ontem ainda que a medo Jorge Coroado, falou mas ficou sem as 60 repetições normalmente utilizadas nestes lances e que sem duvida provocaria jarra ao arbitro e castigo ao jogador.
5º Até ao golo o Porto nada tinha feito para vencer, Laranjeiro que acusou o cansaço, não cortou e Tarik fez o golo, que se não tivesse acontecido e o Porto teria muitas dificuldades em vencer.
6º O União falhou aonde não costuma facilitar na defesa, mas tal como o ano passado, quando perdemos 4-0 com o Benfica espero que tenha sido a última derrota.
Do jogo destaco pela positiva N´Gal em grande forma e a entrega(penso, porque não vi) do troféu ao Fernando.

Carlos Serra

 
At 1:51 da tarde, Anonymous riba said...

a 1ª parte foi bem disputada e pode-se dizer repartida pois N'Gal não deixava de por a defensiva portista em sentido.
a 2ª parte começa com um golo da maneira que todos nós vimos e isso deitou abaixo o animo necessario para contrariar o cansaço. a equipa foi abaixo e depois foi um passeio para o porto.
curioso que o jesualdo disse que na 1ª parte ja sabia as substituições que teria de fazer na 2ª. será que ele ja sabia que ia ganhar e podia rodar jogadores? temos bruxo!

como mero adepto de bancada e despertando o bichinho de treinador que todos temos não concordei com certas escolhas de Paulo Duarte.
teria sem duvida colocado o Alhandra na esquerda e poupava um dos outros laterais (eder ou laranjas). no meio campo não lançava para estreia contra o porto o Luka, punha antes marco soares, tonito ou zongo (mais atacante).

 
At 2:35 da tarde, Anonymous s-type said...

realmente o jogo teve 2 fases distintas, a 1ª parte em que o jogo foi dispoutado......e depois a 2ª parte em que a equipa notou-se mais cansada, e desmoralizada, principalmente apos o 2º golo do porto.....

enfim.....o não fikei mto chateado, pk tal como jah havia dito, estes jogos não são do nosso campeonato....por isso não é grave perdermos estes jogos.....

alguém sabe qual é situação do n'gal?

 
At 3:59 da tarde, Anonymous PETZL said...

Entorse no joelho direito... :(

 
At 4:11 da tarde, Blogger mozdn said...

fala-se em 2 semanas...
Serra, o prémio do Fernando, apenas foi entregue no final do aquecimento, pelo que muitas pessoas não puderam testemunhar o momento.
Muito embora o mesmo tenha sido devidamente anunciado pelo speaker de serviço... :)

 
At 4:11 da tarde, Blogger mozdn said...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
At 6:18 da tarde, Anonymous Johnny said...

incrível como validam o segundo golo.
Faltou o golo na primeira parte para o Porto se desorientar.
Acabou por ser a UDL a desorientar-se completamente no segundo tempo.

venha o belem!

 
At 6:30 da tarde, Anonymous xms said...

liga bitalis... paulo duarte rua so o encobrem por ser genro do Bartolumeu

 
At 7:01 da tarde, Blogger Mário Ventura said...

E que satisfação abrir hoje o jornal Record e, no espaço dedicado ao Leiria-FCPorto, ler que o blogue uniaodeleiria.blogspot.com entregou em pleno relvado do Magalhães Pessoa o justo prémio de melhor jogador 2006/2007 a Fernando.

Parabéns pela iniciativa e, claro está, parabéns pela aparição na imprensa!

 
At 8:41 da manhã, Anonymous XAREU said...

Parabens ao mentor deste projecto e aqueles que com ele trabalham afincadamente.
Se todos nós fossemos um bocadinho mais unionistas (contra mim falo), tinhamos o estádio bem mais composto!

 

Enviar um comentário

<< Home