uniaodeleiria.blogspot.com: Agenda | Merchandise | Caderneta | Contacto

 



4ª Jornada Liga Vitalis - Gondomar X UD LEIRIA - Preview


Gondomar e União de Leiria têm apenas um ponto conquistado no campeonato. A União obteve-o na ultima jornada enquanto os "valentins" pontuaram apenas na 2ª jornada frente ao Beira-Mar, com um resultado de 0-0. O gondomar foi na 1ª jornada perder no campo do Feirense 2-0, resultado igual obtido no passado sábado em Freamunde. No entanto, ontem em jogo para a taça da Liga o Gondomar voltou a deslocar-se a Freamunde, mas desta vez venceu por 1-0, auto-golo de Mangualde.

O Gondomar não tem um plantel com grandes figuras, à excepção de Bruno Severino, jogador que na época transacta se destacou na equipa dos apitos dourados e que no mercado de inverno saiu para o Vitória de Setubal, mas que neste Verão voltou ao norte na condição de emprestado. Como curiosidade refira-se que o plantel do Gondomar tem um plantel com uma média de idades de 25,68 anos (UDL - 25,92 anos) e uma média de alturas de 1,80m (UDL - 1,82m). Para já o Gondomar conta com 5 totalistas no campeonato: Gora Tall (central que na época passada defrontou a União ao serviço do Nelas), Evandro, Carlos Viana, Alex Garcia e Nuno Santos.

O jogo será domingo às 16 horas no Estádio São Miguel (junto ao IC29), um campo com capacidade para 2450 espectadores. O árbitro nomeado pela Liga para a partida é Nuno Miguel Roque, de Coimbra. Roque tem 29 anos, é professor de natação e esta época apitou um jogo da Liga Vitalis, o Estoril 0-0 Oliveirense da 2ª jornada edois jogos na Taça da Liga, curiosamente sempre vencidos pelos forasteiros, o que poderá ser um bom pronúncio.
FORÇA LEIRIAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Etiquetas:

posted by Lima @ 12:56 da manhã,

21 Comments:

At 2:49 da manhã, Anonymous Anónimo said...

é agora, precisamos de uma vitória!!! Força UDL!!

 
At 9:27 da manhã, Anonymous PETZL said...

Para o encontro, foi nomeado o árbitro Nuno Miguel Roque, da Associação de Futebol de Coimbra.

Um sacana que protagonizou uma das arbitragens mais caricatas a que assisti até hoje, num jogo de Iniciados A da UDL na fase final do campeonato em 2005/2006 (salvo erro!)

 
At 9:42 da manhã, Anonymous Memórias said...

O Nuno Roque é o famoso árbitro que num UDL x SLB a contar para a 2ªFase do Campeonato Nacional de Iniciados, quando estávmos a vencer por 2-0 ao intervalo, e já na 2º parte, por faltas absolutamente iguais a tantas outras, mostrou o cartão amarelo amarelo a dois jogadores do União de Leiria, o Bruno Neves e o Haygnner. O jogo acabou com um empate a 2 bolas.
E até tudo normal.
O espanto aconteceu quando, ao lermos o Comunicado da FPF referente aos castigos, verificámos a existência de processos disciplinares instaurados contra aqueles nossos jogadores! É que o sr. árbitro tinha escrito no relatório de jogo que tinha mostrado amarelo por prática de comportamento violento ... acabando os jogadores por virem a ser castigados com 2 jogos de castigo, o que os impediu de defrontarem o Benfica na última jornada.

Foi a primeira e única vez que vi um cartão amarelo dar dois jogos de castigo!

Será que o sr. árbitro não sabia que ao justificar a amostragem dos cartões amarelos com "prática de jogo violento" estava a chamar incompetente a si próprio, pois se assim tinha sido só lhes podia mostrar vermelho?
Não duvido que bem o sabia, mas estou certo que melhor sabia que ao escrever o que escreveu no relatório, estava fazer o jeito ao SLB, impedindo aqueles jogadores de virem a defrontar o Benfica

E eis o prémio, já está a apitar na Liga Vitalis

 
At 10:06 da manhã, Blogger mozdn said...

Relativamente à partida em Gondomar, penso que chegou o momento de conquistar os 3 pontos... o problema é jogar nestes campos do norte....
Qto a esse jogo de Iniciados já tinha ouvido falar desse famoso encontro, esperemos que o Sr. Roque se redima, e que se errar, q erre para o nosso lado... (eis um exemplo claro das influências que circulam no futebol)

 
At 10:37 da manhã, Anonymous pitch said...

Sinceramente, nao acredito na vitória. A equipa tem jogado mal, nao tem mostrado ambição nem tao pouco esforço, e com estes aspectos negativos nao se ganham jogos. Em caso de derrota, acho que é oportuno o Paulo Alves reconsiderar a sua carreira de treinador.

 
At 10:40 da manhã, Blogger Luis said...

Quem vai ver o jogo?
eu vou :)

 
At 10:43 da manhã, Anonymous Anónimo said...

falam dos favores aos arbitros com que moral?
voçês são o clube dos favores...

 
At 10:51 da manhã, Anonymous Anónimo said...

E quem é que nos faz favores? Quem?

Falamos com a moral, a força e a autoridade de quem tem sido prejudicado, vilipendiado, ultrajado e menosprezado!!

 
At 3:58 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

 
At 11:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

No velho Municipal de Leiria vi a pior arbitragem da minha vida. O árbitro chamava-se José Pratas e tiveram de agarrar o Vitor Manuel no final do jogo senão sei lá o que teria acontecido...

 
At 3:23 da manhã, Anonymous Anónimo said...

bastou ver o ano passado, quem foi a equipa mais roubada da liga!! e não venham com tretas que não foi o leiria porquê não houve um jogo em que o leiria não fosse prejudicado e até digo mais, quem não se lembra da escadalosa falta do guimarães que o árbitro fez que não viu?!?

 
At 10:55 da manhã, Anonymous sandive said...

Eu estou tão desanimado com esta merda de equipa, que já só peço para que n se deixem humilhar nem envergonhem a cidade e o clube.

Eu não vou ao jogo, nem me apanham tão cedo a fazer km atrás desta "equipa de amigos". Estou farto!

Façam aquilo q conseguirem...se não o fizerem, não se aborreçam que continua td na mesma e ninguém vos faz nada.

 
At 1:15 da tarde, Anonymous riba said...

Este gajo e o Jose Pratas. Passa a vida toda a falr nisto. Não deves ter visto este agora com setubal.

Vamos lá ver se é desta que ganhamos, neste caso, frente à 2ª equipa do major. É que as coisas estão-se a complicar...

 
At 2:55 da tarde, Anonymous Anónimo said...

vamos para 4º jornada e temos opinioes como a do "sndive". por estas e por outras semelhantes é que este clube é como é. instavel! Solitario! enfim... sera que adeptos assim merecem clube e equipa melhor?!

 
At 8:05 da tarde, Anonymous sandive said...

Caro anónimo das 2:55 PM:

Tenho toda a legitimidade para dizer o que disse e estou com a minha consciência tranquila. Digo-lhe isto porque acompanho a equipa (tanto em jogos em casa como fora) há muitos tempo. Não sou nenhum adepto de ocasião. Sou LEIRIENSE com orgulho e, acima de tudo, Unionista. Conceitos bem distintos. Garanto-lhe, que se mais adeptos fizessem o que eu já fiz pelo meu clube, se calhar poderia contribuir para que a UDL tivesse outro tipo de massa associativa e outro impacto em Leiria.

Não vou a Gondomar, mas já fui a muitos jogos quando o Leiria estava uma lástima. Por isso, a minha fidelidade suporta as minhas afirmações.

Por isso, queira reformular a sua questão. "Estes adeptos merecem uma SAD e uma equipa destas?" E verá as respostas dos verdadeiros unionistas. No clube tenho eu muito orgulho porque sei bem os sacrifícios que fazem e as dificuldades por que passam.

Só mais uma coisa a acrescentar. Eu, como muitos dos meus camaradas, nunca idolatrei jogadores. Porque esses passam, mas o clube permanece SEMPRE. Em última instância no nosso coração e o sentimento nunca desvanece.

Agora meta a sua demagogia num sítio que eu cá sei, porque neste clube ainda gravitam muitas pessoas como o sr. que nem para aquecer uma cadeira no estádio servem.

 
At 3:51 da manhã, Anonymous PETZL said...

Há um traço comum nas últimas duas participações da U. Leiria na Liga de Honra: começar mal o campeonato, para acabar a festejar a subida. Esta época, Paulo Alves pretende repetir esse desígnio, mas sabe que é imperativo ganhar hoje em Gondomar para iniciar o mais rapidamente possível o salto na tabela classificativa.

Em 1997/98, quando bateu o recorde de pontos da Liga de Honra (70), o clube iniciou o campeonato com uma série de 5 empates e a primeira vitória surgiu apenas à 6.ª jornada. Os leirienses acabaram por assinar uma segunda volta quase perfeita, cedendo apenas 2 empates e uma derrota. João Bartolomeu manteve o técnico Vítor Oliveira e, no fim, foi recompensado com o título de campeão.

Em 1993/94, o cenário foi ligeiramente distinto. O primeiro triunfo também só surgiu à 6.ª ronda, após 2 empates e 3 desaires, mas o presidente optou por uma “chicotada”. Saiu Luís Campos e entrou Manuel Cajuda, que no final da temporada guiou a União de volta ao escalão principal. Em Leiria acredita-se que a história voltará a repetir-se.

 
At 4:06 da tarde, Anonymous s-type said...

não estou a conseguir ouvir o relato na 94fm, pelo site, alguém consegue?

 
At 5:04 da tarde, Anonymous Anónimo said...

1-0 VAMOS LEIRIA

 
At 5:07 da tarde, Anonymous Anónimo said...

LUIZ CARLOS!!

 
At 6:43 da tarde, Anonymous Anónimo said...

luís carlos mas foi um ressalto, não uma demonstração de jeito, o que importa no meio disto tudo é a vitoria
viva oi Leiria

 
At 10:03 da tarde, Anonymous riba said...

3 pontos num jogo, até que enfim.
Venha o gil para dar continuação

 

Enviar um comentário

<< Home