uniaodeleiria.blogspot.com: Agenda | Merchandise | Caderneta | Contacto

 



Novo relvado em equação

Já não é nova esta conversa, mas voltou à baila.
Está em cima da mesa a possibilidade de o Estádio Municipal receber um novo relvado, de forma a resolver em definitivo os problemas que este tem apresentado.
No entanto, se bem se recordam, só se levantaram problemas em relação ao relvado para a realização do F.C. Porto X Vit. Setúbal para a Supertaça Cândido de Oliveira, para a U. Leiria tem chegado bem...
A Leirisport avançou ontem (novamente!) com esta possibilidade, pela voz do seu administrador João Paulo Empadinhas:

"O que está combinado com a União de Leiria é que na interrupção da época no Natal vamos fazer uma avaliação. Mas a nossa opinião é que, neste momento, o relvado tem condições para se manter."

Revelou ainda que o contrato da Leirisport com a empresa responsável pela manutenção do relvado prevê "a colocação de um novo relvado a qualquer momento e sem custos".

Apesar da opinião actual ser de que a relva está em condições de ser recuperada para responder às necessidades, a Leirisport só admite "substituir o relvado se for necessário".

A Leirisport aproveitou apresentou também ontem o seu Relatório e Contas do primeiro semestre de 2006, sendo que este revela um resultado líquido negativo de 1 536 069 euros.
João Benzinho, presidente do Conselho de Administração da Leirisport, admitiu que tem vindo a haver “uma diminuição no número de espectadores nos jogos da Liga”. A título de exemplo a partida com o Benfica, na sexta jornada, trouxe menos cinco mil espectadores em relação à temporada transacta.
Refere ainda que o novo contrato celebrado entre Leirisport e União de Leiria foi já assinado e
responsabiliza ambas as instituições pela dinamização do espaço, pois "a Leirisport não pode fazer tudo sozinha". Relativamente às contas com o União de Leiria, esclareceu ainda que os pagamentos desta época estão em dia, existe no entanto, uma dívida de 740 mil euros relativa a épocas anteriores.

posted by PETZL @ 10:06 da manhã,

33 Comments:

At 11:13 da manhã, Anonymous Johnny said...

Viva as empresas públicas!!!!
Se a minha empresa tivesse este passivo, provavelmente já andava eu na rua a arrumar carros.
Assim, continuam os srs administradores e restante staff alegres e contentes, com os seus vencimentos no bolso a assobiar para o ar, enquanto o saco não acabar.

 
At 12:46 da tarde, Anonymous s-type said...

o que é que a UDL tem a ver com a promoção dos espaços, a UDL tem de promover o seu espaço....foi aquele que lhe foi concedido, enquanto não tiver esse tratado, não tem que se preocupar com os outros...

 
At 1:16 da tarde, Anonymous Gentil said...

Confesso que a mim faz-me imensa confusão aquele topo em cimento... não poderia aquele espaço ser aproveitado?? Dinamizar e FACTURAR parece que deviam ser as palavras de ordem!! Aliás tirando o mitico tasco que existe junto ao estádio e a feira que tive o prazer de apreciar no tal jogo treino com o Torreense a zona circundante é um deserto... de ideias!!
Bom, mas isto já é "bater demais no ceguinho"...

 
At 4:45 da tarde, Anonymous Sandive said...

Há cada vez menos pessoas a ir ao estádio pq n há interesse em mudar verdadeiramente este cenário. A UDL já deu um primeiro passo, meio atabalhoado mas deu...é preciso muiiito mais. Do lado da Leirisport constata-se a mesma apatia de sempre.
Gentil, ainda bem q focaste esse assunto do topo norte. É um atentado visual da espécie mais grosseira! É incompreensível q 3 anos depois da inauguração do novo estádio e dps de tantos pseudo-projectos para rentabilizar aquele espaço, aquilo continue na mesma. Aquele mamaracho só torna o nosso estádio num dos mais feios de Portugal, mas se os "experts" assim n o entendem...deixem-se estar Cá para mim aquilo vai ficar assim por muitos mais anos.

 
At 6:09 da tarde, Anonymous s-type said...

é um vergonha akele monstro do topo...ao menos que tapem por fora com vidros espelhados....jah não se vê o que tá dentro e ainda fica com bom aspecto....embora isso seja adiar a resolução completa do problema....

 
At 6:32 da tarde, Anonymous Cristiano Pinto said...

Boas a todos!!!

É triste de facto o topo norte do estádio estar inacabado, mas enquanto se espera pela revisão do Plano Director Municípal (PDM), podia-se ocupar aquela zona com espaços publicitários que sempre diminuem os enormes custos de manutenção do estádio, virados tanto para o interior como para o exterior do mesmo.
E já agora, deixo aqui uma sugestão: porque é que não se cria uma associação/cooperação entre uma empresa que pretende divulgar o seu nome e a Leirisport, tal como fez o Benfica relativamente ao seu centro de estágio, ao colocar o nome da Caixa Geral de Depósitos??? Para quem não sabe, o centro de estágio do Benfica chama-se: Caixa Futebol Clube!!! É que estas empresas mais tarde, até poderiam patrocinar a UDL, quem sabe, ajudando financeiramente o nosso clube. =)

Parto agora para outro assunto : O Petzl refere que "a título de exemplo a partida com o Benfica, na sexta jornada, trouxe menos cinco mil espectadores em relação à temporada transacta", mas isto deveu-se sobretudo à classificação do Benfica e também às suas exibições. É que infelizmente, quando o Benfica vem jogar a Leiria, a maior parte dos adeptos são afectos ao Benfica, logo se o comportamento da equipa não agrada aos adeptos, estes preferem muitas vezes seguir o jogo pela televisão. Mas neste jogo específico, acredito que o número de adeptos da UDL não sofreu grande alteração relativamente ao ano passado, pois o número de adeptos da UDL não oscila tanto devido às posições do nosso clube na tabela (e se por algum momento houver essas oscilações, que sejam reflexo de um aumento do número de adeptos unionistas, seja em que jogo for).
Logo, penso que este facto ( menos 5000 pessoas no jogo do UDL - SLB) não pode servir unicamente de justificação para uma diminuição do número de adeptos no estádio ao longo do campeonato.
Mas esta é apenas a minha opinião.

Um abraço a todos
Força UDL

 
At 6:52 da tarde, Anonymous PETZL said...

E quem é a empresa que quer meter uma publicidade numa estrutura de cimento velha e abandonada???

 
At 7:05 da tarde, Anonymous Gentil said...

Cm disse não vamos "bater mais no ceguinho"... algum "sábio" UM DIA resolverá essa questão!!
Quanto a diminuição do número de espectadores, isso é mais que evidente... em todos os clubes!! A merdosa trouxe quantos adeptos este ano a Leiria? 500? O ano passado eu tive também presente a ver o jogo e estavam seguramente bem mais!! Esta conversa da para escrever imenso... Factores económicos, (falta de) credibilidade do futebol etc etc... Enfim, mas isto todos nós já sabemos e tamos fartos de saber!

Cumprimentos a todos!

 
At 7:09 da tarde, Anonymous Cristiano Pinto said...

Petzl, se taparem a estrutura de cimento com paineis publicitários, enquanto não se constrói nada, não seria uma melhor opção??? Chegou-se a colocar um pano enorme em branco em redor da zona em obras, mas não seria mais vantajoso em termos económicos, que esse espaço tivesse publicidade??? E que tal tentar??? =)
E quanto à ideia do nome, é apenas uma ideia...

Um abraço a todos
Força UDL

 
At 7:29 da tarde, Anonymous PETZL said...

Lá está. Isso não se lhes pode apontar. Até meteram uma tela a dizer que se alugavam espaços para publicidade. Já lá viste alguma??? Se calhar pela razões que eu apontei...

 
At 8:06 da tarde, Anonymous Cristiano Pinto said...

Ok Petzl, percebi o que quiseste dizer. =)
Mas a ideia que tive, não era preencher aquela área com várias pequenas telas publicitárias, como se pretendeu fazer outrora, mas com uma gigante, por exemplo. A meu ver, o processo se aluguer do espaço poderia ter sido feito de outra forma. Se a Leirisport entrasse directamente em contacto com empresas (e quando me refiro a estas empresas, estou a pensar em multinacionais, por exemplo, que financeiramente têm outro poder, e fazia aumentar as receitas) podia ser que se conseguissem resultados interessantes, não só para o município, mas também para o clube. Claro que a finalidade da Leirisport não é esta, mas no futuro, acredito que os resultados podriam ser bastante positivos.
Agarrado a esta ideia, vinha a sugestão de que falei atrás, acerca do nome do estádio.
Estou neste momento apenas a falar de rentabilizar um espaço que neste momento não está a ser utilizado, e para se conseguir fazê-lo é preciso empenho e motivação. E acrescento, eu acredito que é possível conseguir fazer isto. Não esquecer que isto também passa tudo também pela questão da divulgação.
Olha Petzl, e é só com discussões extremamente interessantes como estas, que fazemos isto andar para frente. Tudo tem origem em ideias que têm que ser contestadas e ouvidas, e assim sendo, é sinal que sempre se faz algo. =)

Um abraço
Força UDL

 
At 9:07 da tarde, Anonymous Sandive said...

Enquanto em Leiria o clube e a entidade q gere o estádio andam sempre de costas voltadas e em "guerrinhas" em Coimbra o caso muda (e muito) de figura. Só a título de exemplo vou colocar aqui uma iniciativa levada a cabo pela AAC e pela TBZ em conjunto:

A Associação Académica de Coimbra celebra, na próxima sexta-feira, dia 3 de Novembro, o seu 119.º aniversário.
Para comemorar a fundação da mais antiga associação de estudantes portuguesa, a TBZ e a AAC/OAF vão levar a efeito nas lojas Briosa/TBZ uma promoção, com o objectivo de realçar a data de nascimento da AAC.

Assim, todos os artigos da "linha 1887" terão, até ao próximo domingo, dia 5 de Novembro, um desconto de 30 por cento, sobre o preço de venda ao público.
Entre os produtos colocados à disposição dos academistas, destaque para uma colecção variada de pólos, sweat-shirt?s e t-shirt´s.

Esta promoção é válida, como já se disse, até ao dia 5 de Novembro (data em que a Briosa recebe o Estrela da Amadora no Estádio Cidade de Coimbra), nas lojas Briosa/TBZ do Estádio Cidade de Coimbra e do Centro Comercial Dolce Vita.


Alguém acredita q isto é possível em Leiria, actualmente??

 
At 11:12 da tarde, Anonymous mozdn said...

30% de desconto???? eu nem com 99% de desconto comprava :p

 
At 8:45 da manhã, Anonymous Silva said...

bla bla bla bla bla, se arranjassem a parte de trás do estádio que tá bonita como a merda é que tinham juízo..

Podiam começar por ai..

 
At 12:17 da tarde, Anonymous s-type said...

jah pensaram como seria bom que as pessoas que tivessem à frente da Leirisport fossem verdadeiros unionistas, ou pelo menos amantes da NOSSA cidade?

 
At 1:57 da tarde, Anonymous Riba said...

mas quem apostar nakele espaço qd se tem mil pessoas a ver jogos? e como conseguem trazer mais gente ao estádio e zona envolvente se não há nada de atractivo? (além dos jogos da UDL claro!)
como se diz é uma faca de dois gumes...
mas para mim isto vai durar anos e anos, não há ng verdadeiramente interessado em por isto para a frente. por isso é k eu até curtia o jorge jesus, o homem preocupava-se em ter gente no estadio.
a UDL deu o 1º passo, mas foi um passo de bébé e deve ter tropeçado pelo caminho pk não se vê nada de diferente. onde estão as campanhas de angariação de socios, divulgações dos jogos, pk não usam aqueles expositores de publiciade para promover o desporto em Leiria (acho k ainda têm a publicidade a daniela mercury).
enfim, dp metem bilhetes a 20, 25, 30 euros nesses jogos com os grandes e querem estadios cheios pois pensam k todos os portugueses têm os ordenados k esses senhores têm.
quem gosta de bola é o pobre, metam bilhetes de acordo com as suas possibilidades.

 
At 2:03 da tarde, Anonymous Johnny said...

O pior é que agora só se promovem os jogos com o Benfica, Sporting e Porto, o que denuncia claramente quais os objectivos quer da Leirisport, quer da União de Leiria.
O kit de sócio foi enfiado na gaveta, assim como todas as regalias anunciadas por altura do aniversário, nomeadamente o tal cartão de Saúde Unimed.
Depois queixem-se!

 
At 7:07 da tarde, Anonymous pitch said...

Boas
Tudo o que lerem/ouvirem sobre o topo, dividam por 2. Porquê?!? É tudo mentira... Vejamos: á uns tempos valentes, a leirisport disse que ja tinha uma empresa disposta a patrocinar o topo. Lembram-se?! Pois bem... o mês passado, no jornal Região de Leiria, vinha lá a anunciar um "novo" concurso. Em que é que ficamos?! afinal, ja existe alguem interessado, ou ainda andam á procura de interessados?!? Enfim... Eu ja estou a ver o desfecho disto tudo... é chegar lá um bulldozer e mais uns gajos munidos de picaretas, e mandar aquilo tudo ao chão.
Quanto á questao do relvado, achei piada a esta afirmação "Revelou ainda que o contrato da Leirisport com a empresa responsável pela manutenção do relvado prevê "a colocação de um novo relvado a qualquer momento e sem custos".". Será verdade?!? Custa-me a acreditar... :)

 
At 10:07 da tarde, Anonymous Riba said...

se isso é verdade não sei pk esperam para por um novo.
vão continuar a gastar dinheiro a tentar salvar este?

 
At 12:29 da manhã, Anonymous s-type said...

para além de estarem a gastar mais dinheiro na manutenção, tão à espera de terem jogos marcados para essa data para depois originar mais filmes...

curiosamente parece que o placard do Euro, onde estava anunciado o concerto da daniela mercury, jah tem nova cara, finalmente puseram lah outra coisa, é uma publicidade, melhor que nada, pelo menos gera proveitos!

 
At 11:35 da tarde, Anonymous s-type said...

"Oexecutivo camarário aprovou o caderno de encargos do concurso internacional, a lançar dentro em breve, para a construção e uma grande superfície, entre o Estádio de Leiria e o Mercado Municipal, mas alterou algumas das contrapartidas.
Contrariamente ao que a autarquia tinha decidido numa reunião realizada no dia 15 de Maio com as associações locais, no caderno de encargos que foi aprovado na quinta-feira, não fazem parte a construção do Centro Coordenador de Transportes e o circuito de transportes públicos que assegure a ligação entre a nova superfície comercial e o Centro da Cidade.
Entre as contrapartidas exigidas pela autarquia leiriense à empresa que vier a construir a grande superfície, consta a relocalização de 23 associações actualmente instaladas no Mercado Municipal, a demolição total, redimensionamento e reconstrução da área de intervenção daquela infra-estrutura, a conclusão do edifício do Topo Norte do Estádio Municipal Dr. Magalhães Pessoa.
Outras contrapartidas são a construção de um pavilhão multiusos, com capacidade mínima para cinco mil lugares sentados, e do Jardim da Almoinha.
A autarquia leiriense deixa ao critério do vencedor a construção de uma zona de treinos e de formação desportiva, a construção de patinódromo e a aquisição de terreno para a instalação do Mercado de Levante. Como contrapartidas em numerário, a Câmara Municipal exige que cada proposta deve conter o valor que o concorrente se propõe pagar em numerário pela aquisição, em regime de superfície, das parcelas de terreno propriedade do município de Leiria para a construção da Unidade comercial"."

in www.diarioleiria.pt

era tão bonito que fosse tudo assim.....é tão bom sonhar, tirando a parte "A autarquia leiriense deixa ao critério do vencedor a construção de uma zona de treinos e de formação desportiva"....

 
At 9:15 da manhã, Anonymous ENCAF said...

Muito atento s-type: aquilo que sempre foi dito que seria uma contrapartida obrigatória no concurso para a grande superfície a instalar no Topo Norte e estacionamentos do Estádio e também na rotunda e no Mercado Municipal, passou agora a meramente facultativa.
Assim vamos "cantando e rindo" neste paraiso de promessas não cumpridas.
Viva a ... Câmara Municipal de Leiria?

 
At 11:04 da manhã, Anonymous pitch said...

Eu como sou pessimista, vou continuar a ouvir akela musica do Dino Meira "É mentira é mentira, é tudo uma mentira..." :P

 
At 11:06 da manhã, Anonymous pitch said...

Gosto da parte do "patinódromo"... e porque nao um hipódromo?!?

 
At 11:13 da manhã, Anonymous UmLeiriense said...

Tenho cerca de 70 anos, nascido e vivido em Leiria, sempre me interroguei, que obrigação tem a Camara perante o Uniao de Leiria? Será o Uniao de Leiria diferente de todos os Clubes existentes em Portugal? Qualquer clube de bairro, de quintal, tem uma sede, tem instalações suas. Aqui em Leiria,não é assim, parece-me que a Camara é obrigada a construir infraestruras para um Clube que desde a sua nascença tem profissionais ao seu serviço. Os impostos e as taxas desta cidade serão para aplicar na construção das infraestruturas para o clube da nossa cidade e para os seus profissionais.
Que como se lembram os mais antigos foi fundado pela elite da cidade. E nada tem, julgo ser uma vergonha nacional e internacional haver um clube que nada tem, repito nada tem....

 
At 11:20 da manhã, Anonymous PETZL said...

Então caro Leiriense, diga me lá onde treina a Juventude Vidigalense e o Bairro dos Anjos (só para citar 2 exemplos)? E mais, onde têm eles as suas sedes?
Queira por favor ter a inteligência de distinguir o que é a SAD e o clube. O clube envolve centenas de crianças que pelas circunstâncias andam a saltar de pelado em pelado pelas freguesias da região.
Diga me qts clubes conhece com instalações próprias ou custeadas pelas suas receitas?
Acontece que em Leiria, a União de Leiria, sem dúvida o clube mais representativo da cidade, e que envolve mais atletas, é dos clubes que menos apoio recebe por parte da Câmara.

Saudações Leirienses!

 
At 3:32 da tarde, Anonymous s-type said...

enfim....falam do que não sabem....leram 1 ou 2 jornais e depois sai disto....tratem de se informar antes de falar!

 
At 6:14 da tarde, Anonymous UmLeiriense said...

Continuo atento ao que se escreve neste blog, sinto-me triste que como Leiriense, venham a nivelar pelos que nada tem, do que para aqueles que alguma coisa têm. Essa da Camara não ajudar o Uniao de Leiria, da-me vontade de rir.... O que querem mais....
Repito é uma vergonha um Clube com 40 anos, não ter qualquer patrimonio.
Os ilustres leirienses que me digam qual o patrimonio que o Clube da cidade tem?
Onde treinam as camadas Jovens?
O união de leiria, so mantem os Jovens porque não quer perder o estatatuto de utilidade publica? É ou não é?

 
At 11:27 da tarde, Anonymous PETZL said...

UmLeiriense: para responder a essas perguntas primeiro responda-me às minhas...

 
At 11:34 da tarde, Anonymous s-type said...

ui....valha-me santa engrácia!

primeiro tem de se distinguir a sad, do clube, a seguir, o clube é dos que menos recebe em toda a cidade por parte da camara, praticamente todos os clubes têm sedes cedidas pela camara, grande maioria no mercado municipal....

se o que diz das camadas jovens fosse verdade, as nossas equipas estariam lah mais para enxer pneus e mais nada...mas não estamos a disputar vários campeonatos nacionais....temos vários titulos conquistados.....temos grandes jogadores a vir das escolas....será que valeria o investimento so para ter esse estatuto?

 
At 5:23 da tarde, Anonymous UmLeiriense said...

É verdade, que o uniao de leiria, tem tido excelentes equipas nas camadas jovens, nomeadamente Juniores, Juvenis e Iniciados, isso deve-se ao trabalho arduo e persistente de dois ou tres directores. Se não fossem eles as camadas Jovens não tinham a projecçao que hoje têm.
Acham bem que para ver os Juniores tenhamos que nos deslocar ao Pilado? E as outras camadas Jovens, nos Milagres, Pinheiros, Santa Eufemia, Quartel, etc..etc..
Não tenha duvidas que para alguns senhores do União de Leiria é o Estatuto que conta, se não fosse isso por eles as camadas Jovens, o Andebol, e outras modalidades ja tinham acabado.
Não me responderam, qual o Patrimonio do Uniao de Leiria?
Que infraestruturas tem o Uniao de Leiria?
Por falar nisso como vai o Centro de Estagio da Uniao de Leiria? Quando vai ser inaugurado?

 
At 5:52 da tarde, Anonymous PETZL said...

Agora já concordo mais...

No entanto, não deixo de estranhar o facto de estar tão bem informado sobre o que se passa dentro da União de Leiria, inclusivamente o local de treinos de todos os escalões. Não é propriamente uma coisa que saia nos jornais. O que dá a entender que possa haver outros interesses da sua parte, para além do simples querer o melhor para a UDL.

A UDL (clube) não tem de facto infraestruturas e o património é pouco. Mas será a UDL (o clube, repito!), com as míseras quotas pagas pelos poucos sócios da UDL, capaz de pagar as despesas correntes (campos, carrinhas, casa, atletas, alimentações, gasoleo, treinadores, massagistas, motoristas,etc.) e ainda gerar património. Não estará a UDL a substituir-se ao Estado (e neste caso à Câmara!) no dever de promoção do desporto nas camadas jovens? E o que tem feito a Câmara por isso?? Construiu um "mamarracho" que só lhe dá despesas onde nem os jovens podem jogar...

Portanto, dê valor aos tais 2 ou 3 directores (se forem tantos!) que ainda vão aguentando o barco. Outros certamente teriam já fechado a porta e rumado a outros postos mais apetecíveis...

 
At 6:13 da tarde, Anonymous s-type said...

a UDL nunca teve necessidade de adquirir/construir qq tipo de infra-estruturas desportivas para as suas modalidades, pq antes da contrução dakele elefante branco....havia na cidade, um pelado para as camadas jovens, um relvado para treinos, um pavilhão....havia tudo isso, quando se fez o estádio...apenas um campo de futebol ficou....e que so pelos seniores pode ser utilizado...e por pessoas de atletismo, logo a obra so serviu alguns....tirou o que havia....e so devolveu alguns.....

pensado desta maneira jah as coisas são diferente não?

 

Enviar um comentário

<< Home